Pareceres


Nova Pesquisa | Voltar
Enviar por e-mail | Imprimir apenas a ficha | Imprimir o parecer com a ficha

PARECER Órgão: Conselho Regional de Medicina do Estado de São Paulo
Número: 141760 Data Emissão: 18-09-2018
Ementa: A realização e interpretação dos exames das funções auditivas e vestibulares são atos privativos de Médicos.

Imprimir apenas a ficha


Imprimir o parecer com a ficha
 

Consulta nº 141.760/18

 

Assunto: Se profissionais não médicos podem ser responsáveis pela realização, interpretação e laudo de exames de diagnóstico da função auditiva e vestibular.

Relatores: Conselheiro Dr. Carlos Alberto Herrerias de Campos  e Dr. Reginaldo Raimundo Fujita, Membro da Câmara Técnica de Otorrinolaringologia.


Ementa: A realização e interpretação dos exames das funções auditivas e vestibulares são atos privativos de Médicos.

 

A consulente Dra. V.R.M., Advogada de determinada Associação Brasileira de Especialidade Médica,  faz os seguintes questionamentos ao CREMESP:

 

1. Profissionais não médicos podem ser responsáveis pela realização, interpretação e laudo de exames de diagnóstico da função auditiva e vestibular?

2. Diante de eventuais erros de exames de função auditiva e vestibular, o responsável pelo erro será o profissional executante ou o médico responsável técnico da clínica onde foi realizado o exame?

3. Existe algum amparo legal para realização de exames de exames em instituições onde não há médico técnico responsável, como por exemplo, exame de BERA realizado em clínica fonoaudiologia?

4. A classificação da tabela SIGTAP do SUS atribui diversos exames a cada profissional da área de saúde. No caso dos exames otorrinolaringológicos é atribuído aos otorrinolaringologistas, neurofisiologistas e/ou fonoaudiologistas. Contudo todos os exames da eletrofisiologia e otoneurologia também estão compartilhados com os fonoaudiólogos. Indaga-se: No entendimento do CREMESP é correta essa classificação apresentada pela SIGTAP/SUS?

PARECER

1. Profissionais não médicos podem ser responsáveis pela realização, interpretação e laudo de exames de diagnóstico da função auditiva e vestibular?

Resposta: Os profissionais não médicos podem ser responsáveis pela realização e interpretação dos exames das funções auditivas e vestibulares. O laudo de exames de diagnóstico é um ato médico, e portanto, prerrogativa do médico.

 

2. Diante de eventuais erros de exames de função auditiva e vestibular, o responsável pelo erro será o profissional executante ou o médico responsável técnico da clínica onde foi realizado o exame?

 

Resposta: Nos eventuais erros de execução e interpretação, o responsável pelo erro será o profissional executante. Em clínicas e consultórios, a responsabilidade é solidária, profissional técnico e médico.

 

3. Existe algum amparo legal para realização de exames de exames em instituições onde não há médico técnico responsável, como por exemplo, exame de BERA realizado em clínica fonoaudiologia?

 

Resposta: Sugere-se encaminhamento desta questão para o Conselho Federal de Medicina.

 

4. A classificação da tabela SIGTAP do SUS atribui diversos exames a cada profissional da área de saúde. No caso dos exames otorrinolaringológicos é atribuído aos otorrinolaringologistas, neurofisiologistas e/ou fonoaudiologistas. Contudo todos os exames da eletrofisiologia e otoneurologia também estão compartilhados com os fonoaudiólogos. Indaga-se: No entendimento do CREMESP é correta essa classificação apresentada pela SIGTAP/SUS?

 

Resposta: Sugere-se encaminhamento desta questão para o Conselho Federal de Medicina.

 

Este é o nosso parecer, s.m.j.

 

Conselheiro Carlos Alberto Herrerias de Campos

 

APROVADO NA CÂMARA TÉCNICA DE OTORRINOLARINGOLOGIA, REALIZADA EM 04.09.2018

APROVADO NA 4.860ª REUNIÃO PLENÁRIA, REALIZADA EM 18.09.2018.

Imprimir o parecer com a ficha

CONSELHO REGIONAL DE MEDICINA DO ESTADO DE SÃO PAULO
CNPJ: 63.106.843/0001-97

Sede: Rua Frei Caneca, 1282
Consolação - São Paulo/SP - CEP 01307-002

Delegacia da Vila Mariana:
Rua Domingos de Moraes, 2187 - cj. 223 - Edifício Xangai
Vila Mariana – São Paulo/SP - CEP 04035-000

CENTRAL DE ATENDIMENTO TELEFÔNICO
(11) 4349-9900 (de segunda a sexta feira, das 8h às 20h)

HORÁRIO DE EXPEDIENTE PARA PROTOCOLOS
De segunda a sexta-feira, das 9h às 18h


CONTATOS

Regionais do Cremesp:

Conselhos de Medicina:


© 2001-2018 cremesp.org.br Todos os direitos reservados. Código de conduta online. 133 usuários on-line - 167
Este site é melhor visualizado em Internet Explorer 8 ou superior, Firefox 40 ou superior e Chrome 46 ou superior