Busca
Classificação de assuntos:

Pesquisa por palavra-chave:


Últimas Notícias
  • 21-06-2018
    Novo endereço
    Delegacia Regional de Sorocaba é inaugurada nesta quarta-feira (20/06)
  • 21-06-2018
    Copa do Mundo
    Cremesp terá expediente reduzido nesta sexta-feira (22/06) por conta do jogo do Brasil
  • 21-06-2018
    Cerimônia
    Cremesp participa da posse da nova diretoria do Sindimed Campinas
  • 20-06-2018
    Evento
    Cremesp realiza I Congresso Paulista de Direito Médico de Campinas, no próximo dia 28 de junho
  • Notícias


    12-03-2018

    Ensino Médico

    Caravana pelo Exame Obrigatório recolheu cerca de 400 assinaturas em Ribeirão Preto

    Ex-presidente do Cremesp, Isac Jorge Filho, presidente do Cremesp, Lavínio Nilton Camarim, e Fábio Luz, diretor clínico da Secretaria Municipal da Saúde (SMS) de Ribeirão Preto

    A Caravana pelo Exame Obrigatório para recém-formados em Medicina passou pela cidade de Ribeirão Preto, nesta segunda-feira (12/03). A ação, que aconteceu na Praça XV de Novembro, Centro da cidade, recolheu cerca de 400 assinaturas de médicos e da população em geral.

    A agente de viagens Camila Baricalla aproveitou sua passagem pela praça para assinar a petição. "Na minha opinião, um exame como esse vai melhorar muito a qualidade das faculdades de Medicina do país. Se essa lei for obrigatória, todos iremos ganhar", disse. 

    O gerente Aluízio Louzada Veloso Júnior afirmou que o Exame Obrigatório para formados em Medicina deveria existir há muito tempo. "Não sei porque ainda não existe uma prova como essa. É muito importante para garantir o bom atendimento à população", apontou.

    Para o presidente do Conselho Regional de Medicina do Estado de São Paulo (Cremesp), Lavínio Nilton Camarim, o apoio da população à campanha é fundamental para sensibilizar deputados e senadores sobre a importância do Exame Obrigatório. “Nossa intenção com a Caravana é consolidar o apoio popular à Lei pelo Exame Obrigatório para egressos dos cursos de medicina no Brasil. Essa medida irá melhorar a qualidade dos cursos de medicina e, por consequência, o atendimento à população", ressaltou Camarim. 

    Além de Camarim, compareceram ao evento o ex-presidente do Cremesp, Isac Jorge Filho, e o diretor clínico da Secretaria Municipal da Saúde (SMS) do município, Fábio Luz.  "Acho essa ação muito importante para tirar dúvidas da população sobre a campanha. Acredito que os médicos já estão suficientemente esclarecidos sobre a importância do Exame Obrigatório", declarou Jorge Filho. 

    Para o diretor clínico da SMS, o Exame Obrigatório é essencial para proteger os bons médicos. "A Medicina tem sofrido muitos ateques nos últimos anos e essa prova irá corrigir isso. Além de beneficiar a população, também será uma forma do estudante de Medicina e da sua família garantirem uma formação de qualidade", afirmou Luz. 

     

    Campanha

    O objetivo da campanha pelo Exame Obrigatório é mobilizar médicos, autoridades, estudantes, formadores de opinião e a população em geral em torno da aprovação de uma Lei que torne obrigatório o Exame para alunos e recém-formados em Medicina. A prova ajuda a aprimorar o ensino médico e é fundamental para contribuir para a boa Medicina e, com isso, melhorar o atendimento aos pacientes. Além do abaixo-assinado, a campanha também conta com uma petição on-line, que pode ser acessada no www.exameobrigatorio.com.br.

    Além de Ribeirão Preto, a caravana já passou por Franca e nas próximas semanas percorrerá as cidades de Santos, Sorocaba, Campinas, São José do Rio Preto, Bauru, Piracicaba e São José dos Campos, além da capital paulista para encerrar as atividades da ação especial. Durante a caravana, o presidente do Cremesp, Lavínio Nilton Camarim, diretores, conselheiros e delegados regionais irão apresentar e reforçar a proposta sobre a importância do exame.

     

    Fotos: Osmar Bustos


    Veja os comentários desta matéria


    Já passou da hora!! Este exame já deveria existir desde o final do século passado!! É uma barbaridade o que fizeram com os currículos das faculdades de medicina. O currículo tradicional era muito mais consistente e dava muito mais segurança ao acadêmico antes de colocá-lo em um internado
    Fernando

    Deixe o seu comentário

        Dê sua opinião sobre a matéria acima em até mil caracteres. Não serão publicados  textos ofensivos a pessoas ou instituições, que configurem crime, apresentem conteúdo obsceno, sejam de origem duvidosa, tenham finalidade comercial ou sugiram links, entre outros.  Os textos serão submetidos à aprovação antes da publicação, respeitando-se a jornada de trabalho da comissão de avaliação (horário de funcionamento do Cremesp, de segunda à sexta-feira, das 9 às 18 horas). O Cremesp reserva-se o direito de editar os comentários para correção ortográfica.  Os  usuários deste site estão sujeitos à política de uso do Portal do Cremesp e se comprometem a respeitar o seu Código de Conduta On-line.

    De acordo.


    Este conteúdo teve 927 acessos.


    CONSELHO REGIONAL DE MEDICINA DO ESTADO DE SÃO PAULO
    CNPJ: 63.106.843/0001-97

    Sede: Rua Frei Caneca, 1282
    Consolação - São Paulo/SP - CEP 01307-002

    Delegacia da Vila Mariana: Rua Domingos de Moraes, 1810
    Vila Mariana – São Paulo/SP - CEP 04010-200

    CENTRAL DE ATENDIMENTO TELEFÔNICO
    (11) 4349-9900 (de segunda a sexta feira, das 8h às 20h)

    HORÁRIO DE EXPEDIENTE PARA PROTOCOLOS
    De segunda a sexta-feira, das 9h às 18h


    ESTACIONAMENTOS : NOVOS CONVÊNIOS

    CONTATOS

    Regionais do Cremesp:

    Conselhos de Medicina:


    © 2001-2018 cremesp.org.br Todos os direitos reservados. Código de conduta online. 201 usuários on-line - 927
    Este site é melhor visualizado em Internet Explorer 8 ou superior, Firefox 40 ou superior e Chrome 46 ou superior