Busca
Classificação de assuntos:

Pesquisa por palavra-chave:


Últimas Notícias
  • 21-08-2017
    Exame do Cremesp
    Inscrições gratuitas para o Exame do Cremesp começam nesta terça-feira (22/8)
  • 21-08-2017
    Evento
    Centro de Bioética do Cremesp discutirá aspectos da doação e transplante de órgãos
  • 18-08-2017
    Palestra
    Camarim discute a importância do ‘fazer ético’ em Medicina com diretores Técnicos e Clínicos
  • 17-08-2017
    Opinião
    Confira o artigo de Carlos Vital: "A má gestão da saúde pública"
  • Notícias


    18-05-2017

    APEM

    Cremesp reúne 24 escolas médicas para apresentação das provas de Qualificação Médica no Estado

    Reinaldo Ayer de Oliveira, Maruro Aranha e Bráulio Luna Filho participam da mesa de abertura do evento 

    Escolas médicas e Conselhos Regionais de Medicina participaram do Encontro Sobre Qualificação Médica, nesta quarta-feira (17/5), em São Paulo (SP). O evento foi organizado pelo Conselho Regional de Medicina do Estado de São Paulo (Cremesp), em parceria com o Instituto de Ensino e Pesquisa do Hospital Sírio-Libanês (IEP-HSL) e a organização americana National Board of Medical Examiners (NBME).

    No encontro, os representantes dos cursos de Medicina aprofundaram seus conhecimentos sobre a Avaliação Periódica do Ensino Médico (Apem), anunciada no ano passado pelo Cremesp. Durante todo o dia, foram ministrados, por representantes do NBME, o workshop “Construção de Questões de Múltipla Escolha de Qualidade”, com orientações claras e exemplos práticos de como montar uma boa prova para os estudantes de Medicina.

    A equipe internacional reiterou a importância da autoavaliação e exaltou a parceria com o Cremesp para a aplicação das provas de Qualificação Médica. “Estamos muito animados com essa parceria. Nós já trabalhamos com algumas instituições no Brasil, mas acreditamos que essa iniciativa do Cremesp irá ajudar na mudança da cultura da avaliação no País”, ressaltou Allison Kulesher, editora-chefe da NBME.

    Para Bráulio Luna Filho, diretor primeiro-secretário do Conselho e coordenador da Apem, a parceria com as escolas médicas é fundamental para o sucesso do programa. “Para conseguir fazer essa avaliação nós vamos precisar do apoio das instituições e a motivação dos alunos”. Segundo ele, o objetivo prático do exercício é auxiliar os docentes na mensuração do desempenho de seus alunos. “Esperamos que esse processo, que iniciamos hoje, ajude o professor na arte de avaliar seus estudantes de maneira efetiva, de construir currículo, de melhorar seu sistema e de integrar diferentes sistemas pedagógicos, num modelo parecido ao do Canadá e dos Estados Unidos”, ressaltou.

    Também estiveram presentes no Encontro, os presidentes dos Conselhos Regionais de Medicina de Goiás, Leonardo Reis, e de Rondônia, Andrei Leonardo Freitas de Oliveira, e a conselheira do Espírito Santo, Rosana Alves.

    Das cerca de 30 escolas médicas do Estado de São Paulo que contam com turma de formandos neste ano, 24 enviaram representantes. Foram elas: Centro Universitário das Faculdades Associadas de Ensino (Unifae), de São João da Boa Vista; Faculdade das Américas (FAM); Faculdade de Ciências Médicas da Santa Casa de São Paulo; Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo (FMUSP); Faculdade de Medicina de Catanduva; Faculdade de Medicina de São José do Rio Preto; Faculdade de Medicina do ABC (FMABC); Faculdade de Medicina São Leopoldo Mandic; Fundação Educacional do Município de Assis (FEMA); Uninove; Universidade Anhembi Morumbi; Universidade Barão de Mauá; Universidade Brasil, de Fernandópolis; Universidade Cidade São Paulo; Universidade de Araraquara (Uniara); Universidade de Mogi das Cruzes (UMC); Universidade de Ribeirão Preto (Unaerp); Universidade Estadual Paulista (Unesp), de Botucatu; Universidade Federal de São Carlos (Ufscar); Universidade Federal Paulista (Unifesp); Universidade Metropolitana de Santos (Unimes); Universidade Santo Amaro (Unisa); Universidade São Camilo; e Universidade São Francisco (USF), de Bragança Paulista.

     

    QM1 e QM2

    A Avaliação Periódica do Ensino Médico (APEM) é uma ferramenta de avaliação da graduação que será disponibilizada pelo Cremesp, IEP/HSL e NBME para todas as escolas de medicina interessadas no segundo semestre deste ano. O programa irá oferecer, tanto para alunos quanto para estudantes, uma oportunidade de avaliação individual e confidencial do conhecimento adquirido e transmitido em ciências básicas e na prática clínica. O teste será aplicado para estudantes nos 3º e 5º anos (6º e 10º semestres), de forma voluntária e gratuita, de todas as faculdades de medicina que se inscreverem no APEM.

    A Qualificação Médica 1 (QM1) será aplicada para alunos do 3º ano e irá abranger ciências básicas. Já a Qualificação Médica 2 (QM2), será um teste de práticas clínicas para alunos do 5º ano. Os resultados obtidos serão sigilosos e poderão ser considerado no Exame do Cremesp.

    Luna Filho também ressaltou que essa iniciativa não visa apenas ranquear as escolas de Medicina, mas garantir a qualidade de ensino e, portanto, de atendimento à população por parte dos médicos. “Nossa preocupação é com a qualidade do ensino. E esse é um processo para criar mais um mecanismo de melhoria do ensino médico e do aprendizado dos estudantes”, disse ele.

    Reinaldo Ayer de Oliveira destacou que, mesmo com vários modelos de avaliação disponíveis, a QM conta com a expertise da NBME e com o laço de confiança criado entre o Conselho e instituições de ensino e também estudantes de medicina. “Quando começamos a falar sobre o Exame do Cremesp, nós tivemos grandes dificuldades. Mas, ao longo tempo, todos perceberam que a prova é correta e transparente. Tanto que, mesmo sendo optativa, o número de adesão ao Exame é bastante alto.”   

     
    Legenda: Allison Kulesher, editora-chefe da NBME, durante o workshop oferecido; Reinaldo Ayer, Mauro Aranha e Bráulio Luna Filho durante abertura do evento. 

     

     

    Legenda: Representantes das escolas de Medicina durante evento; Edison Ferreira de Paiva (do IEP/HSL), Gisleine Eimantas (IEP/HSL), Jodine Oquendo (NBME), Allison Kulesher (NBME), Bráulio Luna Filho (Cremesp) e Joaquim Vieira (Capem).  

    Fotos: Laura Jorge


    ESTA MATÉRIA AINDA NÃO FOI COMENTADA:

    Deixe o seu comentário

        Dê sua opinião sobre a matéria acima em até mil caracteres. Não serão publicados  textos ofensivos a pessoas ou instituições, que configurem crime, apresentem conteúdo obsceno, sejam de origem duvidosa, tenham finalidade comercial ou sugiram links, entre outros.  Os textos serão submetidos à aprovação antes da publicação, respeitando-se a jornada de trabalho da comissão de avaliação (horário de funcionamento do Cremesp, de segunda à sexta-feira, das 9 às 18 horas). O Cremesp reserva-se o direito de editar os comentários para correção ortográfica.  Os  usuários deste site estão sujeitos à política de uso do Portal do Cremesp e se comprometem a respeitar o seu Código de Conduta On-line.

    De acordo.


    Este conteúdo teve 885 acessos.


    CONSELHO REGIONAL DE MEDICINA DO ESTADO DE SÃO PAULO
    CNPJ: 63.106.843/0001-97

    Sede - Consolação: Rua da Consolação, 753
    Centro - São Paulo/SP - 01301-910

    Sede - Luís Coelho: Rua Luís Coelho, 26
    Consolação - São Paulo/SP - 01309-900

    Subsede - Vila Mariana: Rua Domingos de Moraes, 1810
    Vila Mariana – São Paulo/SP - 04010-200

    CENTRAL DE ATENDIMENTO TELEFÔNICO
    (11) 5908-5600 (de segunda a sexta feira, das 8h às 20h)

    HORÁRIO DE EXPEDIENTE PARA PROTOCOLOS
    De segunda a sexta-feira, das 9h às 18h


    ESTACIONAMENTOS : NOVOS CONVÊNIOS

    CONTATOS

    Regionais do Cremesp:

    Conselhos de Medicina:


    © 2001-2017 cremesp.org.br Todos os direitos reservados. Código de conduta online. 229 usuários on-line - 885
    Este site é melhor visualizado em Internet Explorer 8 ou superior, Firefox 40 ou superior e Chrome 46 ou superior