Busca
Classificação de assuntos:

Pesquisa por palavra-chave:


Últimas Notícias
  • 20-07-2024
    Movimento do Ato Médico
    Cremesp vence ação civil promovida contra clínica farmacêutica que realizava procedimentos estéticos
  • 19-07-2024
    Evento
    Cremesp realiza entrega de carteiras e honrarias a médicos em São José do Rio Preto
  • 18-07-2024
    Defesa da população
    Cremesp oficia MP e Polícia Civil sobre anúncios divulgados nas redes sociais com atores que se passam por médicos para venda de medicamentos
  • 17-07-2024
    Evento inédito
    Cremesp realizará 1º Simpósio de Acupuntura, que discutirá as patologias tratadas pela especialidade e as novas perspectivas de tratamento
  • Notícias


    25-07-2016

    Consulta

    De quem é a responsabilidade sobre imobilização do paciente com fratura durante o plantão?


    “Após a constatação de fratura pelo médico plantonista, de quem é a responsabilidade de fazer a imobilização provisória: do plantonista ou do médico de sobreaviso da Ortopedia? Posso enviar foto de uma fratura, via WhatsApp, para o médico de sobreaviso avaliar?”

     

    A equipe médica do pronto-socorro deverá, em regime de plantão no local, ser constituída, no mínimo, por profissionais de Anestesiologia, Clínica Médica, Pediatria, Clínica Geral e Ortopedia, conforme a Resolução CFM nº 1.451/1995, artigo 2º. O médico que aceita o plantão à distância se compromete a avaliar in loco o paciente, quando acionado.  A exposição pública de pacientes, por meio de fotos e imagens, é considerada antiética pelo Cremesp, com exceção do uso da internet em telemedicina, voltada à atualização e reciclagem profissional do médico, a exemplo das videoconferências, educação e monitoramento à distância.

    (Baseada na consulta nº 194.868/15, aprovada pela Câmara Técnica de Ortopedia e Traumatologia e pela Câmara de Consultas e homologada na 4.732ª reunião plenária do Cremesp)

    Tags: fraturaconsultaplantãoresponsabilidadeWhatsAppOrtopediafotos.

    Veja os comentários desta matéria


    As intercorrências do plantão médico são variadas e de diferentes escalas de gravidade. Imobilizações gessadas são procedimentos para situações sem grandes complexidades (a priori) e sem necessidade, na maior parte das vezes, de encaminhar o paciente para o centro cirúrgico. Sendo assim, é sensato que o ortopedista de plantão (corpo presente) faça a imobilização, sem necessidade de acionar o colega de sobreaviso. Penso que enviar fotos de casos para avaliação e discussão entre colegas médicos constitui em uma forma de monitoramento à distância e que esse auxílio, possibilitado pela tecnologia, deve ser repensado e adaptado para as normas seguras da lei.
    Alex Araújo

    Deixe o seu comentário

        Dê sua opinião sobre a matéria acima em até mil caracteres. Não serão publicados  textos ofensivos a pessoas ou instituições, que configurem crime, apresentem conteúdo obsceno, sejam de origem duvidosa, tenham finalidade comercial ou sugiram links, entre outros.  Os textos serão submetidos à aprovação antes da publicação, respeitando-se a jornada de trabalho da comissão de avaliação (horário de funcionamento do Cremesp, de segunda à sexta-feira, das 9 às 18 horas). O Cremesp reserva-se o direito de editar os comentários para correção ortográfica.  Os  usuários deste site estão sujeitos à política de uso do Portal do Cremesp e se comprometem a respeitar o seu Código de Conduta On-line.

    De acordo.


    Este conteúdo teve 301 acessos.


    CONSELHO REGIONAL DE MEDICINA DO ESTADO DE SÃO PAULO
    CNPJ: 63.106.843/0001-97

    Sede: Rua Frei Caneca, 1282
    Consolação - São Paulo/SP - CEP 01307-002

    CENTRAL DE ATENDIMENTO TELEFÔNICO

    Imagem
    (11) 4349-9900 (de segunda a sexta feira, das 8h às 20h)

    HORÁRIO DE EXPEDIENTE PARA PROTOCOLOS
    De segunda a sexta-feira, das 9h às 18h

    CONTATOS

    Regionais do Cremesp:

    Conselhos de Medicina:


    © 2001-2024 cremesp.org.br Todos os direitos reservados. Código de conduta online. 712 usuários on-line - 301
    Este site é melhor visualizado em Internet Explorer 8 ou superior, Firefox 40 ou superior e Chrome 46 ou superior

    O CREMESP utiliza cookies, armazenados apenas em caráter temporário, a fim de obter estatísticas para aprimorar a experiência do usuário. A navegação no site implica concordância com esse procedimento, em linha com a Política de Cookies do CREMESP. Saiba mais em nossa Política de Privacidade e Proteção de Dados.